CEAPortlet

Centro de Educação Ambiental

Avarias

Avarias

gestprocessosonline.JPG

GestProcessos Online

 

Atendimento on-line

Balcão Virtual

Continua em curso a intervenção de substituição de árvores na área urbana da cidade de Esposende.

A ação, promovida pelo Município através da empresa municipal Esposende Ambiente, contempla, por um lado, a substituição da espécie “Acer negundo”, em virtude de esta ser considerada como planta invasora, e, por outro, a remoção, na avenida marginal da cidade, das palmeiras afetadas pelo chamado “escaravelho-da-palmeira”.

No caso da espécie “Acer negundo”, além de se tratar de uma planta invasora, verificam-se constrangimentos ao nível dos pavimentos, iluminância e invasão de espaço aéreo privado, pelo que se impõe a substituição por outras mais adequadas para o espaço urbano. Esta intervenção abrange vários arruamentos da cidade, nomeadamente na Rua Santa Maria dos Anjos, Rua Manuel Boaventura, Rua dos Bombeiros, Avenida Valentim Ribeiro, Rua Eng.º Custódio Vilas Boas e Rua João Amândio.

No caso das palmeiras, foram detetados vários exemplares afetados pelo “escaravelho-da-palmeira” (Rhinchophorus ferrugineus). Apesar dos esforços efetuados pelo Município, nomeadamente através da realização de tratamentos fitossanitários, várias plantas acabaram por morrer, pelo que se tem vindo a remover os exemplares afetados com o objetivo de evitar o seu risco de queda e garantir a salvaguarda e segurança da população. Assim, e no sentido de uniformizar a marginal da cidade, será feita a substituição por “Metrosideros excelsus”, espécie já existente a norte daquela avenida.

A plantação de espécies vegetais nos espaços urbanos constitui uma componente fundamental na valorização das paisagens urbanas que, pelo conjunto de funções que desempenham, assume cada vez maior significado na valorização estética e ambiental das cidades. Muito para além de embelezar, desempenham um papel fundamental na redução de vários tipos de poluição, facilitam a infiltração e a condução da água no solo e absorvem o dióxido de carbono existente e produzido pela população, libertando o oxigénio essencial ao bem-estar e à vida. Por esta via, o Município de Esposende está a dar um contributo decisivo para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2023 da ONU, nomeadamente no que se refere a Cidades e Comunidades Sustentáveis (ODS 12) e Proteger a Vida Terrestre (ODS 15).

 

Atendimento
   
Leituras
Leituras
   
CoGestão do PNLN
   
Biorresíduos
   
A sua opinião é importante
imagemPortlet copy.png
   
Recrutamento
   
CEA em Blog
imagemPortlet
Desafios
dia a dia
Desafio dia a dia
   
Qualidade da água
   
Linha da Reciclagem
   
Faturação
Eletrónica
   
Praias
   
QUIZ da Água
   
SUMAKids
   
TransFORMAR
   
E-MOVE
   
Empreitadas
   
E|Ribeiras